19.1.09

Bye Bye Bush











Está na hora de mandar este gajo para o caralho!

Vamos ter saudades, mas queremos ainda assim que o Bush vá para a puta que o pariu, e por isso, porque este é o motivo de celebração mais importante deste século, um pouco por todo o mundo estão a ser organizadas as Bush Bye Bye Party, festas que celebram a despedida deste ser improvável.

Não é que não gostemos daquele jeito folgazão, dos trejeitos desta personagem com a profundidade de uma ervilha seca, daquele savoir faire bronco à moda de cowboy texano. Mas vamos mandá-lo up your ass tal como ele faz com tanta gente ao longo destes oito anos.

Ficamos com alguma pena, é certo. Bush, um pouco à imagem e semelhança de Pedro Santana Lopes, é aquele género de político que um dia provoca em nós o choro compulsivo, baba e ranho sem fim à vista, e no outro dia nos deixa extasiados de riso até sufocarmos em tons arroxeados, rindo-nos como se não existisse amanhã, rebolando de solo a solo até descobrirmos que assomámos à porta daquela moça com uma verruga no rosto e que costuma passear o caniche sempre com o mesmo roupão vestido, há 15 anos.

A diferença é que Santana costuma andar por aí (com sacrifício pessoal), e George W. Bush já anunciou que tão cedo não lhe pomos a vista em cima. O que é pena, não faltam sapatos cá em casa aos quais já não dou uso...

Há que festejar, até porque não se sabe o que virá amanhã. A próxima grande celebração está também já marcada, é quando o Sócrates se puser na alheta. Mas isso, pelo andar da carruagem, ainda é capaz de não ser desta.

Quanto às Bush Bye Bye Party, já marquei a festa onde estarei presente. Agora, tenham lá paciência e façam como a mãe do Ronaldo, preparem tudo bem preparadinho, esta segunda-feira é dia de lançar os fogos!

4 comentários:

Cris... disse...

Mas diz-me, por favor, que não é um sonho, e que o cabrão vai mesmo embora para a puta que o pariu!!!

Bruno disse...

É mesmo verdade, Cris, ele vai embora. Mas não fiques tristes, dizem que daqui a uns anos vem o irmão dele. Por isso, não desesperes.

Cris... disse...

foda-se!

o que faltava, outro bronco assassino?

Bruno disse...

Cris, isto foi o que eu li numa conceituada revista americana. O irmão é governador da Florida e bem feitas as coisas não teria dificuldade em chegar à Casa Branca. E assim se perpetuará o poder do Clã Bush no andamento desta bola (enquanto existir).

A propósito das festas de despedida do Bush, só te posso dizer que à minha maneira fiz hoje uma celebração, um adeus, um até sempre, a este senhor. E foi... ui, ui... foi muito bom. Haja mais.