3.2.09

Porque é que o homem trai a mulher? (I) - A teoria da sanita











Ora aí está uma boa pergunta para lhe fazer: homem, porque trais a mulher? É das tais questões que nenhum homem se preocupou em tentar perceber, e é dos assuntos para os quais nenhuma mulher soube encontrar explicação (os outros são, por ordem decrescente de importância: porque é que o homem ganha sempre ao crapô, porque é que apesar da emancipação feminina as mulheres continuam a querer subjugar-se à acção masculina em determinadas acções, porque é que ultimamente ele parece que anda a abichanar.)

Sou daqueles homens que várias vezes mijaram fora do penico. Assumo-o com toda a frontalidade e com todo o respeito que o tapete ao lado do bacio me merecia. E que o próprio bacio me merecia.

Se bem me faço entender, é necessário saber compreender que há mulheres que actuam nas nossas vidas como penicos e há outras (as legítimas) que se comportam com a elevação de uma sanita. E algumas são mesmo de marcas nobres, como por exemplo Valadares.

Com isto quero dizer que há alguns bacios que são voláteis, que andam de um lado para o outro, que tanto estão com o fundo assente no chão, como virados para baixo; e há depois as sanitas, que permanecem sempre no mesmo sítio, que se reciclam com umas puxadas de autoclismo, mas que estão por vezes com a tampa para baixo, outras vezes com a tampa para cima. E isto direcciona o jacto na altura de tomar decisões em hora de aperto.

Um aspecto é preciso levar em linha de conta: um homem nunca se atreverá a cagar num penico, é algo que só consegue fazer numa sanita. A única coisa que pode fazer é mijar para fora dela. E é preciso compreender porquê...

13 comentários:

quase Eu disse...

bem, de entre penicos e sanitas e tal, só falta saber o porquê de se mijar fora deles...
Mas para não ficares sem resposta, já não é só o homem a mijar por fora. Infelizmente há cada vez mais mulheres a fazer isso...

Bruno disse...

Sim, claro, Quase Tu. Não quis entrar por esse campo, mas a traição não é exclusiva do género masculino. Mas estou em crer que o texto serve bem às duas partes.

provocação disse...

Então para ti as mulheres são sanitas?

Bruno disse...

Prov,
não, para mim as mulheres são aquilo que demonstram ser.

Anónimo disse...

Ahahah, foda-se! Que analogia tão baixa!
Para quem mija fora do penico, um dia, irá perceber que a tesão não chega para todos os penicos ou sanitas! Mas o mais reconfortante é que há uma altura que nem à manivela a gaita funciona! Ahahahah
Enquanto, as ditas sanitas estão sempre prontas para outras mangueiras. Aquelas,mesmo na velhice com um pouco de gel ainda estão aptas para uma boa sessão de sexo! Ahahah

Gostei do seu post

Bruno disse...

Olá, Anónimo, como é que vão esses ossos? Espero que bem.

Não sei como se designa o recurso estilístico (os especialistas talvez saibam dizer-me), mas é uma espécie de analogia cuja convergência de sentidos não existe senão na mente de quem a queira ver.

Mas gostei do teu comentário, e tens razão naquilo que escreves.

Bruno disse...

Traçando uma análise e uma reflexão mais gerais à questão levantada nestes dois posts, reparo que à pergunta "Porque é que o homem trai a mulher?" ninguém apresentou resposta. Todos nos preocupamos muito com a traição que acontece, ninguém gosta, mas também ninguém soube dar resposta. Porque compreender isto ajudaria a evitar que tal sucedesse.

Como reparo também que toda a gente se referiu à questão da "traição", mas a questão que referi de ter encontrado o "Amor" e de ter assimilado que só ele faz sentido, quase ninguém referiu.

Patrícia Villar disse...

Porque quanto à questão do "Amor" parece-me não haver controvérsia e estar de acordo. Agora quanto à pergunta, sou mulher, não te saberia responder...mas quem sabe se não poderá ser até por questões hormonais?! LOL.

Bruno disse...

Patrícia, já agora e já que estamos com a mão na massa, a pergunta: porque é que a mulher trai o homem? Alguma teoria?

Pax disse...

"já agora e já que estamos com a mão na massa, a pergunta: porque é que a mulher trai o homem? Alguma teoria?"

Posso?

Eu tenho uma teoria chocante. Indecente mesmo. Escandalosa. É assim:
Excepto em rarissimas especies animais, não existe a fidelidade como caracteristica natural. O Homem também é um animal.
A obrigação da fidelidade é isso mesmo: uma obrigação, uma imposição social, moral, religiosa, whatever.
Ninguém faz um esforço para ser infiel, o esforço é para ser fiel. A fidelidade é contra natura, pelo que há pessoas que se esforçam mais do que outras (ou precisam esforçar-se mais do que outras) para a conseguirem, por motivos vários, manter. Homens e mulheres, embora a carga moral/social ainda seja superior para mulher e, portanto, é possivel que (por isso) as mulheres traiam menos.
Trair ou não, homem ou mulher, depende da resistencia que cada um tem ou quer ter em momentos de solicitações alheias, não é algo que nasceu consigo, portanto, depende dos seus valores, da vontade ou da resistencia de cada um manter-se fiel ou não.

É o que acho :)

Pax disse...

P.S.

Não será a única resposta possivel à pergunta mas é a minha teoria para a fidelidade ou infidelidade no ser humano :)

Anónimo disse...

Bruno se me permite,

(Isto é para comentar algo que li nesta página)
Ok, segundo algo que estudei nas teorias sociais, há autores que defendem que esta questão de ser-se fiel é fruto da conduta humana. Se lerem algumas teorias do sexo e a religião ficarão com tamanho espanto ao perceberem que, antigamente arranjava-se explicações alucinantes para minimizar a infielidade.
Por outro lado, a velha questão de "multiplicar a espécie" está no centro desta grande questão. Porém, a química do amor, quando o sentimento é profundo e genuino o conceito "fiel" é rei e senhor.
Há quem diga "amo-te" e nem sequer sente, nem sabe o quê que está a dizer. Esta palavra tão pequena, mas tão profunda banalizou-se. Infelizmente!
Esta questão parece ser complexa mas é tão fácil de perceber o que a circunda.

Um abraço

Anónimo disse...

o homem trai a mulher porque não tem a coragem de dizer não á mulher. diz o homem que tem medo que lhe chame paneleiro. o homem faz sexo para mostrar que é macho. os homens que traem são fracos. as mulheres são mais fortes